20 fevereiro, 2018

Dicas de Viagem: Meu Roteiro pela Amazônia

Oi amores, tudo bem?

Há algum tempo prometi esse post de hoje para vocês. Quando postei meu shooting incrível na Amazônia (relembre aqui), comentei que traria dicas sobre esse destino encantador e contaria todo o meu roteiro de viagem para vocês. E hoje, finalmente, vim compartilhar toda minha experiência em 4 dias de diferentes experiências.

Embarquei rumo à Amazônia a convite da operadora de turismo “Turismo Consciente” que trabalha há cerca de 10 anos organizando roteiros apenas nessa região, por isso eles conhecem tudo por ali.

Fiquei hospedada no hotel Mirante do Gavião, que  fica na cidade Noivo Airão – cerca de 200 km de Manaus – e possui um clima bastante intimista, isolado e tranquilo. Conta com apenas 7 acomodações e foi todo construído em madeira de lei, prezando a sustentabilidade. A arquitetura do hotel já foi premiada e a estrutura combina perfeitamente arte e natureza, sem contar a incrível vista panorâmica para o Rio Negro.

Antes mesmo da viagem já recebi a programação dos meus dias por lá e fiquei super ansiosa para viver cada momento.

Cheguei em Manaus no dia 10 de janeiro e fui recepcionada pela equipe da Turismo Consciente com um translado privativo que me levou ao hotel Villa Amazônia localizado no centro histórico da cidade, lá passei apenas uma noite e ainda sim foi uma experiência deliciosa.

No segundo dia sai de Manaus após o café da manhã rumo ao Mirante do Gavião, mas o diferencial foi fazer esse trajeto de hidroavião. Uau! Vivi uma experiência super diferente em um sobrevoo por mais de 300 ilhas do Parque Nacional de Anavilhanas, e depois de 45 minutos pousamos nas águas escuras do Rio Negro em frente ao hotel.

Chegando lá, parti para visitar uma comunidade indigena da etnia Waumiri Atroari que faz parte da AANA(Associação de Artesãos de Noivo Airão) e por isso que conheci um artesanato regional cabloco e me encantei pelos assessórios da região, e pela simplicidade e simpatia dos índios. Após conhecer o artesanato, fui almoçar no flutuante Flor do Luar onde pude visitar uma galeria muito especial.

Pausa para um refrescante mergulho no mar e no fim do dia tive a oportunidade de deixar minha contribuição para a Amazonia plantando uma árvore. E não amores, não parou por aí! Depois de jantar no hotel teve passeio de voadeira pelas ilhas do Arquipélago de Anavilhanas para visualização de animais noturnos. Imaginem o quão especial e diferente foi isso?

Ao amanhecer do terceiro dia saimos de voadeira rumo a Madadá (1h30 de viagem), lá a programação foi visitar um sítio cabloco onde vimos árvores frutíferas da região e em seguida fizemos uma trilha de 3 horas (porém não era complicada!), durante todo o caminho conhecemos diversas curiosidades da floresta vendo desde bichos até seringueiras e cipós.

O almoço foi Mirante do Madadá com uma bela vista para o Rio Negro e comida gostosa. Na volta, paramos a voadeira para conhecer as famosas árvores gigantes da espécie Samaúma..são linda. A tarde, foi hora de explorar a praia do Camaleão e…uau! Que visual deslumbrante.

Água escura, doce, quente e areia branca. Inexplicável!

Quarto e último dia, acordamos bem cedo para contemplar o pôr do sol no Arquipélago de Anavilhanas. Acordar as 5h para apreciar um visual tão belo e inspirador foi gratificante e renoador. Sensação de que Deus estava falando comigo naquele momento! E com as energias renovados e uma dose extra de alegria em viver, fomos para o café da manhã do hotel.

E a última programação foi visitar o flutuante dos Botos Cor-de-Rosa e me divertir com as lendas que existem em torno do local e desses seres especiais.

Em apenas quatro dias, vivi uma das melhores experiências da minha vida. Essa viagem esta guardada em minha memória como um momento engrandecedor de conhecimento, aventuras e gratidão. Obrigada Turismo Consciente pelo convite e por me proporcionar dias como os que vivi ali.

O roteiro foi especial e pude explorar muito da beleza natural do local, além das diferentes experiências. Todo o acompanhamento e conhecimento da equipe também foi fundamental e fez diferença.

Se você tem o sonho ou curiosidade de conhecer esse destino, incentivo toda essa vontade e recomendo o trabalho impecável da Turismo Consciente.

Espero que tenham gostado das dicas e, assim como eu, tenham a chance de conhecer essa região tão simples e tão ricas ao mesmo tempo.

Beijos da Alê.

G.Plus - Facebook -

• Você também pode gostar destas matérias •

• Faça um Comentario no Facebook deste assunto •

• Comentário no blog deste assunto é aqui •

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 Comentário:Dicas de Viagem: Meu Roteiro pela Amazônia

  1. CRYPTMODE

    thanks for hosting a great party, gals!