19 julho, 2016

Dicas da Nutri: Chia

Muito tem se falado sobre a chia e as pessoas estão consumindo essa semente cada vez mais. Mas afinal, você sabe quais são os seus benefícios?
semente-de-chia-1
A chia era muito consumida na dieta dos nossos ancestrais, e seu cultivo foi resgatado já que suas sementes representam uma das principais fontes vegetais de ácidos graxos ômega-3. Além disso, contém fitoesteróis, nutrientes com ação antioxidante, além de fibras e proteínas de alta digestibilidade.
chia-seeds-in-a-bowl
A recomendação de consumo diário é de uma colher de sopa, e ao contrário do que muitos pensam, não precisa ser necessariamente deixada de molho em água. Você pode acrescentá-la no iogurte do lanche da tarde, na fruta do café da manhã, ou até mesmo no arroz ou na salada.
chia-com-iogurte-e-morango
saladafrutas
DSC01904
A chia tem ainda:
– Ação anti-inflamatória: pelo seu conteúdo de ômega 3 (ácido linolênico), que tem a propriedade de combater a inflamação do organismo.
– Ação antioxidante: pela presença de compostos bioativos que combatem a ação dos radicais livres que levam ao envelhecimento precoce e também resultam no desenvolvimento de algumas doenças.
– Controle do diabetes: graças ao alto teor de fibras, ajuda a melhorar a sensibilidade da insulina, melhorando a glicemia após as refeições. As fibras tornam mais lenta a absorção dos açúcares pelo intestino, o que ajuda a manter a glicemia controlada.
Perda de peso: por ser fonte de fibras solúveis que formam um composto gelatinoso no estômago, tornando a digestão mais lenta e resultando num aumento de saciedade.
Redução do risco de doenças cardiovasculares: além de melhorar a resistência à insulina, também melhora o perfil lipídico, auxiliando na redução do colesterol.
Funcionamento do intestino: contribui para a melhora da saúde intestinal, também pela quantidade de fibras que fornece.
– Controle da pressão arterial: pois o ômega 3 presente tem efeito anti- hipertensivo.
Saúde cerebral: os ácidos graxos poliinsaturados presentes no grão são componentes da estrutura das células nervosas, podendo também melhorar a memória, reduzir a ansiedade e depressão.
Vale lembrar, que a chia deve fazer parte de uma dieta nutricionalmente variada e equilibrada, para que seja possível colher os seus benefícios para a saúde.
Stella S. Jacob
Nutricionista
CRN 3-21661
(11) 9110-1496
G.Plus - Facebook -

• Você também pode gostar destas matérias •

• Faça um Comentario no Facebook deste assunto •

• Comentário no blog deste assunto é aqui •

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *