6 setembro, 2017

Look do Dia – SPFW #Day4

Oi amores!

Todos já se preparando para o feriadão?

Por aqui, continuamos no assunto São Paulo Fashion Week pois vim deixar registrado os dois looks que usei no quarto dia de desfiles.

Minha primeira produção foi vestida de PatBo para prestigiar a marca. Já o segundo look, foi todo Água do Coco. Eu adorei as duas produções, mas as propostas e estilos eram completamente diferentes. Olhem só:

Para o desfile de PatBo, optei pelo estilo mais feminino e romantico e escolhi um look que sobressaia o trabalho magnifico dos bordados da estilista Patricia Bonaldi. Para não perder o estilo mais clássico, completei com acessórios mais sofisticados, tanto na sandália em tom neutro com pérolas quanto na mini bag Dior super elegante e curinga.

Também investi em jóias brilhantes e clássicas. A modernidade estava apenas na beleza, o coque alto dava um ar mais despojado, optei por ele pois combinaria com as duas produções do dia, além de ser um penteado que está super em alta.

Na make, cores neutras com muito iluminador..não tinha como errar, não é?

Mais tarde, me troquei para assistir o desfile da Água de Coco também usando look inteiro da marca que amo de paixão e adorei o resultado! A mesma Aletania, porém em uma vibe muito mais cool, rs. A moda faz mágica em nossa vida!

Apesar de ser uma marca de moda praia, a Água de Coco esta cheia de peças super adaptáveis ao dia-a-dia e eu sou apaixonada por essa versatilidade. Montei um look all black super estiloso. Não é só porque estamos toda de preta que precisamos ser over.

O diferencial dessa produção com certeza foi essa BOMBER estampada BABADO! Uma das minhas peças preferidas dessa coleção! Além de detalhes metalizados, o contraste de cores e a estampa quebraram a “seriedade” do preto.

Outro segredo foi mudar os acessórios. Como queria estar mais “princesa” para o primeiro desfile, optei por acessórios mais clássicos, mas já que no segundo quis uma vibe mais “descolada”, eu troquei os clássicos por um brincão de argola (que também está super em alta!). E na beleza, não precisei mudar nada, foi super adaptável!

E aí, curtiram?

Beijos da Alê.

 

G.Plus - Facebook -
4 setembro, 2017

SPFW N44 – Detalhes dos últimos dias de desfiles!

Oi lindezas, como vocês estão?

Semana passada foi intensa, hein…

Quinta-feira foi o último dia da semana de moda aqui em São Paulo e confesso que ter emendado tantas viagens em uma semana como essa, que sempre é uma loucura, me deixou exausta, tanto que nesse último dia de SPFW fiquei doente e nem sai de casa. Sim, perdi o último dia de desfiles, rs… mas não posso reclamar, aproveitei cada detalhe do que acompanhei nessa temporada.

Na quarta-feira eu assisti a apenas um desfile, o da Animale. E a noite tive evento da Caras Blog no Palácio Tangará.

Sobre o desfile da Animale, acho que foi o desfile mais comentado do penúltimo dia de fashion week. A apresentação da coleção foi fora da Bienal, na flagship da marca em plena Rua Oscar Freire, no Jardins, e o local bombou de convidados, celebs, paparazzis e curiosos.

Também escolhi mais um desfile desse dia, que achei que foi bapho, pra comentar aqui com vocês. Vem comigo!

Animale

Vale lembrar que assim como a edição passada, essa edição da SPFW também foi “see now buy now (veja agora compre agora)”, ou seja, a maioria das peças que estavam sendo desfiladas nas passarelas já podiam ser encontradas nas lojas. E foi assim mesmo no desfile da Animale, afinal, a locação foi a própria loja da grife, mostrando todas as apostas da vez, e ali, prontinhas para serem consumidas!

O Oriente foi a inspiração dessa coleção da marca, mais precisamente o Vietnã. O estilista Vitorino Campos apostou em muito jeans misturado com uma sofisticada alfaiataria desconstruída em meio a tendência do bordado, aplicações e flores.

Quimonos e trajes que lembram vestimentas de monjes fazem parte da modelagem da nova coleção, que também envolvem muito lamê em um mix do básico com o glamour.

O que causou muito burburinho em torno da apresentação da primavera/verão da Animale foi o time de peso que a marca investiu para vestir sua coleção e desfilar com looks assinados. Estavam lá (e desfilaram!) as lindezas Grazi Massafera, Sabrina Sato e Juliana Paes, olha só as produções escolhidas por cada uma delas:

Amir Slama

*Foto: Marcelo Salvador para Vogue

Fiquei na duvida entre comentar o desfile de Gloria Coelho ou Amir Slama. Sim, os dois são propostas completamente diferentes, mas achei que foram duas apresentações de peso e grande valor nesse penúltimo dia. Acabei escolhendo Amir Slama pois confesso que estou apegada pela moda beachwear brasileira, principalmente nessa temporada, e além do mais, o desfile do estilista foi completamente inovador se comparado as outras marcar de moda praia e as suas coleções passadas.

A passarela de Amir Slama teve um ar totalmente vintage no melhor glamour dos anos 50, lembrando até mesmo a diva Marlin Monroe em meio a produção de beauté das modelos, que traziam muito volume, movimento e laquê no cabelo junto com o chamativo batom vermelho. Nas peças da coleção, o que prevaleceu foi uma linha também glamourosa, trazendo muita sofisticação à moda praia em tendências como correntes, matelassê e drapeado em hot pants, bodies, robes…

O vermelho berrante e as listras em off white, vermelho e coral foi o ponto alto de desfile, que inclusive, foi ambientado ao som de Frankie Sinatra. Ui! Alguma dúvida do ar sexy que o estilista queria trazer?

Também teve espaço para o rosa bebê acetinado e o roxo! As calcinhas de cava mais alta também estiveram presente nessa passarela.

Adorei a paleta de cores e todo o clima e referência de moda do estilista e da coleção, acho que pra passarela foi um desfile lindo e digno de semana de moda, porém penso que para a coleção mais comercial na loja, é necessário uns modelos mais vida real. Não sei como está nas lojas da marca, se alguém souber, me conta! Rs.

 

Vamos para o último dia da semana de moda?

Helô Rocha e Apartamento 03 foram os meus escolhidos da quinta-feira para comentar aqui com vocês, apesar de que não pude estar presente em nenhum.

Helô Rocha

*Foto: Marcelo Salvador para Vogue

Uma passarela completamente leve e suave. Assim foi o desfile da estilista Helô Rocha, que investiu em uma coleção com muita aposta no estilo vitoriano e em peças que lembram camisolas e lingeries.

Muita fluidez e transparência misturada com o trabalho artesanal da marca e os babados que estiveram presentes quase que em 100% das produções.

A paleta de cores neutras e suaves contrastava com peças cintilantes que se destacavam na pele das modelos. Alias, a beleza dessa passarela foi outro show a parte. Cabelos presos trançados e bochechas rosadas com ar tropical combinaram perfeitamente com a apresentação e com a entrada da nova estação.

O tom lavanda e o rosa também estiveram presente. A passarela foi praticamente construída por cetim e seda em looks femininos e sofisticados. Porém, acho que teve mais a pegada da semana de moda do que o estilo “vida real”, curiosa para ver as peças na arara das lojas em um esquema mais “comercial” e em looks dia-a-dia.

Apartamento 03

*Foto: Marcelo Salvador para Vogue

Apartamento 03, a marca do estilista Luiz Claudio se superou nessa temporada! Eu adorei todas as produções desfiladas. A coleção foi inspirada na arquiteta e paisagista Lota de Macedo Soares e em seus reconhecidos trabalhos. E essa união de moda + arquitetura levou muita personalidade às peças e à passarela.

Peças desconstruídas souberam manter a elegância e a “seriedade” da alfaiataria, que nesse caso, veio toda colorida! Uau! A mistura de cores e as silhuetas mais “oversized” traziam uma coleção bastante confortável mas sem perder o estilo.

P&B teve vez e o brilho também esteve presente em tecidos vazados e super bem trabalhados. Tudo muito lindo e usável, né?

 

Enfim, terminou a temporada 44 do São Paulo Fashion Week.

O que acharam dessa edição e das apresentações para a primavera/verão 17/18? 

Eu gostei muito e tive minhas expectativas superadas. To até pensando em fazer um apanhado das principais tendências para prepararmos nosso guarda-roupa e nossas produções leves e alegres para a estação do calor.

Beijos da Alê.

G.Plus - Facebook -
31 agosto, 2017

Look do Dia – SPFW #Day3

Oi meus amores,

Estou dando uma pausa nos comentários sobre os desfiles para trazer os detalhes de um dos looks que usei durante essa semana de moda em São Paulo.

Essa foi a produção que escolhi para o terceiro dia de apresentações, e meu primeiro dia nessa temporada de SPFW (segunda-feira). O dia estava super favorável aqui em São Paulo, então escolhi um look leve, casual, porém com muita personalidade.

Apostei na calça jeans, uma peça curinga em qualquer guarda roupa. O diferencial da minha produção foi essa “blusa” oversized que misturava tendências de alfaiataria desconstruída com os ombros aparentes e o estilo “capa” que amo de paixão, é de uma marca de Bogotá. Nos pés optei por contrastar com uma cor sem perder o conforto que essa loucura do dia-a-dia da moda exige, escolhi o rosa, cor que tem sido muito evidente nas passarelas do verão 2018. A mini bag com aplicações florais também fez toda a diferença. Eu adorei o resultado. E vocês?

A make foi eu mesma quem fiz (orgulho!rs). Investi em uma pele mais bronzeada e iluminada mas sem perder a naturalidade. O batom foi o tom ideal!

Créditos do Look:

Blusa: Carlos Carrizosa

Jeans: Loony

Sapato: Jimmy Choo

Bolsa: Fendi

Estou postando todos os meus looks e dia-a-dia da semana de moda em meu instagram (@aletaniaoliveira).

Ontem eu assisti o desfile da Animale e a noite fui no evento da Caras Blog no Palácio Tangará. Hoje é o último dia de SPFW, por isso amanhã eu volto com os últimos destaques dos dois últimos dias dessa temporada que está incrível! E também continuarei atualizando vocês por aqui sobre meus looks e eventos que estou participando.

Estão gostando dessa edição de SPFW?

Beijos da Alê.

 

 

G.Plus - Facebook -
30 agosto, 2017

SPFW N44 – Detalhes do quarto dia de desfiles!

Oi lindezas, tudo bem?

Vamos aos principais detalhes do quarto dia de São Paulo Fashion Week?

Escolhi três desfiles que achei que foram os principais destaques da terça-feira para comentar com vocês:

Giuliana Romano

*Foto: Ricardo Toscani para Vogue

A apresentação da primavera/verão de Giuliana Romano eu não acompanhei de perto, mas me surpreendi com fotos e com cada detalhe da nova coleção. A começar pelo fato de uma passarela toda só em tons claros e leves, oposto do que temos em mente quando pensamos na marca, já que o preto sempre foi o forte da estilista. Achei ousada e um grande desafio. Desafio esse que foi superado em peças de alfaiataria com muita fenda, lamê e palha. Uau!

Cru e lavanda, cores que fizeram presença! As produções estavam super sofisticadas!

As passarelas também ganharam toque de brilho com floral em mais um tom desejo da cartela de cores de Giuliana: esse rose suave. Outro ponto muito comentado do desfile foram os acessórios. Teve bolsa de palha, e o sapato estilo mule foi item desejo da temporada. Tudo chiquérrimo, né?

PatBo

*Foto: Ricardo Toscani para Vogue

O desfile mais esperado do dia! Na minha opinião, claro, rs. A cada temporada Pat vem se superando… penso que a todo momento ela vem se desprendendo daquela referência mais romântica que fez seu nome, e tem sido mais ousada sem perder sua personalidade.

Em um mood mais retrô, a coleção primavera/verão de PatBo é um verdadeiro Mix! Muita estampa, textura, cor, bordado em modelos que vão desde o lady like às peças maxis no estilo mais boyish!

Surrealismo também fez parte da passarela da marca. As estampas dessa temporada estão super lúdicas. E não da pra dizer que Pat esqueceu completamente do estilo mais street art da temporada passada, afinal, dessa vez também teve moletom, plush, colete, conjunto em um estilo comfy. Ah, e o jeans bordado foi destaque do desfile também (quem lembra do post que eu fiz falando sobre a tendência do jeans bordado e o quanto eu achava que iria BOMBAR no verão 2018? Ponto pra mim! Rs!)

Água de Coco

*Foto: Ricardo Toscani para Vogue

O que foi esse desfile da Água de Coco? Estou até agora sem palavras! Vontade de voltar para minha últimas viagens e usar cada peça dessa nova coleção. De verdade, tudo o que foi apresentado na passarela eu usaria.

A primavera/verão da marca foi inspirada na ilha de Bali e está colorida e sofisticada ao mesmo tempo. É mais um nome brasileiro que sabe trazer o estilo e elegância à moda beachwear sem ser over. Eu AMO e sou muito fã!

O brilho esteve presente em detalhes de lurex, e o babado foi destaque tanto em em modelagens mais “neutras” como no já “clássico” ombro-a-ombro. Além dos biquinis e bodies, a marca também apresentou uma linha de saídas que podem facilmente ser usadas como roupas até para eventos mais arrumados em dias de verão. Estou encantada com tudo!

Muita estampa e cintura alta nas produções! O laranja e o roxo foram protagonistas na cartela de cores do verão.

Estão gostando das apresentações até então? Eu estou adorando!

Hoje tem mais! Vou no desfile da Animale e terei evento a noite.

Amanhã volto com mais resenha e detalhes.

Beijos da Alê.

G.Plus - Facebook -
29 agosto, 2017

SPFW N44 – Detalhes do terceiro dia de desfiles!

Oi lindonas,

Ontem foi o terceiro dia de São Paulo Fashion Week e dessa vez eu pude acompanhar de perto os desfiles de duas marcas que sou fã: Vix e Fabiana Milazzo! E claro que vim trazer os detalhes para vocês.

Mas, tiveram outras duas apresentações desse terceiro dia de Fashion Week que apesar de eu não acompanhar de pertinho, me chamaram muito a atenção, por isso também resolvi falar um pouco sobre as coleções. São destaques do mundo da moda que vale a pena serem comentados e compartilhados.

Paula Raia 

*Foto: Ricardo Toscani para Vogue

A apresentação da nova coleção de Paula Raia foi um dos desfiles que não presenciei pessoalmente, mas cada resenha, legenda e foto que li/vi me encantou. Adoro apresentações que fogem do óbvio e parece que a estilista apostou em uma experiência completamente sensorial. A começar pelo tema místico que homenageava o Sagrado Feminino e o ambiente foi todo projetado em tons leves de rosa, assim como toda a coleção, que teve uma paleta de cores toda só baseada no nude-rosa-rose. Os convidados também foram convidados a se vestir com um camisão rosa assim que chegavam ao local (locação na Vila Madalena, fora da Bienal) e o “desfile” foi todo em pé, afinal, quem caminhava eram os convidados, enquanto as modelos ficavam paradas, ou melhor, apenas se movimentando em uma espécie de dança que parecia trazer a leveza e o clima “zen” que Paula queria, com muitos cristais e sais no cenário.

A experiência sensorial penso que deve ter combinado muito com a proposta da marca, já que as peças possuem tamanha personalidade em um mix de tramas e texturas que é marca registrada da estilista, um verdadeiro nome da alta costura brasileira. Adorei os tons neutros e leves e a mistura do fluído com o tecido mais grosso das texturas que exigem muito trabalho.

A beleza das modelos também foi destaque nas principais mídias de moda. Alias, acho que cabe um post só sobre as tendências de beauté das passarelas, hein? Já vi muita referência maravilhosa por aí…

Vix

*Foto: Ricardo Toscani para Vogue

O desfile da Vix, marca de moda beachwear não deixou nada a desejar. Babei pela coleção inteira!

A começar pelas peças em off white, tom neutro e totalmente chic para uma linha moda praia. Alias, adoro que a Vix traz um estilo totalmente refinado as vestimentas de praia, já até queria ter conhecido essa coleção antes de ter ido viajar, rs.

Detalhes para os “nós” e o maiô com cava mais alta, que parece que vai bom-bar nesse verão!

O coral também esteve com tudo na passarela da Vix, e outra paleta de cores que a grife apostou me fez lembrar o desfile da Iódice…parece que o mostarda e o marinho serão fortes tendências.

Fabiana Milazzo

*Foto Ricardo Toscani para Vogue

De moda praia para moda festa, eu fui direto do desfile da Vix para o desfile da estilista Fabiana Milazzo, mais um nome brasileiro que amo e sempre morro de amores por cada coleção. Senti que dessa vez, mesmo com a presença dos já famosos bordados e aplicações de sua marca, o destaque foi uma coleção leve, completamente nobre e fluída. A passarela parecia mais um sonho encantado do que uma semana de moda fashion.

Teve sobreposição mas também teve decotes profundos e recortes estratégicos. A transparência também foi outra aposta da estilista para a predominância da leveza.

A paleta de cores também foi leve, mas ora trazia cores no estilo “candy”, ora apareciam tons “fluor”. Os bordados ganharam desenhos lúdicos e charmosos. Toda a coleção está super feminina.

Lilly Sarti

Lilly Sarti é uma outra apresentação do que rolou no terceiro dia e eu não estive presente mas mesmo assim resolvi comentar. Na realidade, foi minha escolha para fazer uma resenha pois sei que muitas de minhas leitoras são amantes da marca assim como eu, mas confesso que pelo que vi não fiquei muito surpreendida. Lilly é talentosa mas sabemos que seu estilo é mais minimalista, por isso, seu desfile e coleção foi sem grandes novidades. O que realmente me chamou a atenção foi mais uma prova da paleta de cores que PROMETE no verão 2018!

Sim, estou falando dos tons terrosos com clima tropical. Mais uma vez o mostarda, o vermelho e o “tijolo” foram grandes destaques. Além dessa paleta, é claro que nude e off white também marcaram presença.

O cru e esse azul mais sereno completaram as cores da primavera/verão de Lilly Sarti em uma coleção com muita seda e crepe para a mulher contemporânea porém com uma pegada mais tropical e leve. O que adorei foram os mules nos pés!

Enfim amores, o que acharam desse terceiro dia de SPFW? Eu já vou partir para a correria do quarto dia. Hoje tem PatBo! AMO!

O que já estão curtindo ver nessa temporada? Me contem!

Beijos da Alê.

 

G.Plus - Facebook -